Atleta morre em acidente com ônibus da equipe do Passo Fundo Futsal

FONTE: O SUL

Um ônibus que levava o Passo Fundo Futsal, time profissional de Passo Fundo, se envolveu em um acidente, em São Borja, na madrugada deste domingo (14). Um dos jogadores, o ala Pablo Yago Radaeli, de 22 anos, não resistiu aos ferimentos e morreu no local. Segundo informações preliminares, outras três pessoas foram encaminhadas ao Hospital Ivan Goulart em estado grave. A assessoria de imprensa do clube informou, no começo desta manhã, que um jogador e um integrante da direção já foram atendidos e liberados. Um ônibus fretado pelo clube deve levar o grupo de volta a Passo Fundo.

Os atletas haviam disputado um jogo contra o Uruguaianense, pela Liga Gaúcha. Após a partida, estavam retornando de Uruguaiana quando no km 430 da BR-472, a 34 quilômetros do centro de São Borja, aconteceu o acidente. Segundo relatos, o coletivo, que transportava cerca de 20 pessoas, teria saído da pista, caído em um barranco – de cinco a oito metros de altura –, na lateral da via, e tombado.

Em nota, a direção do Passo Fundo Futsal lamentou o ocorrido e afirmou que está dando assistência a familiares e torcedores no Ginásio do Capingui:

“Com muita tristeza comunicamos através desta que, o ônibus com a nossa delegação sofreu um acidente por volta de 2h30 nas proximidades de São Borja-RS, quando retornava de Uruguaiana, onde disputamos partida da Liga Gaúcha de Futsal. Não temos detalhes sobre as circunstâncias, mas temos o doloroso dever de informar que perdemos nosso guerreiro Pablo Radaeli, atleta do grupo, que não resistiu aos ferimentos causado pelo acidente.

Neste momento todos os integrantes estão sendo examinados no hospital de São Borja, mas segundo a unidade de saúde nenhum em estado grave.

Consternada, a direção do PFF imediatamente se mobilizou e está tomando todas as providências e dando assistência a familiares e torcedores no Ginásio do Capingui.
Pablo Yago Radaeli tinha 22 anos, era natural de Novo Hamburgo e chegou ao Passo Fundo Futsal no começo desta temporada. Também defendeu o Minas Tênis Clube de Belo Horizonte, Uruguaianense e ASIF de Ibirubá.
É um momento de dor e tristeza que nunca gostaríamos de estar passando.

Família Passo Fundo Futsal”

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *