Com dois jogos em casa nas últimas três rodadas do Brasileirão, o Inter aposta no fator local

FONTE: O SUL

De volta a Porto Alegre após a derrota por 1 a 0 para o Botafogo, o Inter já começa a projetar os seus últimos três desafios pelo Campeonato Brasileiro. E o fator local é uma das apostas do Colorado para tentar desmentir os prognósticos que apontam o líder Palmeiras (71 pontos) como campeão: em terceiro lugar na tabela (65) e invicto como mandante nesta edição do torneio, o Saci tem pela frente duas partidas no Beira-Rio e só joga fora de casa na última rodada.

O próximo compromisso do alvi-rubro está marcado para esta quarta-feira, às 19h30min, quando recebe o Atlético-MG (sexto colocado, com 53 pontos). No domingo, será a vez de mais um encontro com a torcida, dessa vez diante do Fluminense (décimo-terceiro, com 41 pontos). E campanha colorada termina em Curitiba, uma semana depois, diante do Paraná Clube (lanterna e já rebaixado matematicamente).

Para o duelo contra os mineiros, o técnico Odair Hellmann comandará apenas um treino coletivo, às 16h desta terça-feira. Após suspensão automática, o lateral Fabiano está à disposição. Mas o zagueiro Rodrigo Moledo e o atacante Wellington Silva ficam de fora, por terem sido expulsos no domingo. Já os atletas que não iniciaram a partida contra o Botafogo realizaram exercícios sob chuva, pela manhã, ainda no Rio de Janeiro.

Portões abertos

Nos dois confrontos em casa (Atlético-MG e Fluminense), os sócios do Inter terão acesso livre ao Beira-Rio. Basta fazer o “check-in”, que já está aberto. Já a confirmação de presença para o jogo contra o Fluminense será disponibilizada nos próximos dias.

De acordo com o site oficial do clube, a medida foi tomada “para que o Gigante continue um caldeirão nesta reta final do Brasileirão e como forma de agradecimento pelo apoio incondicional dos colorados ao longo de toda a temporada”.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *