Governo do RS aposta em retorno de reservistas e órgão penitenciário em nova proposta para segurança.

FONTE G1//A Secretaria Estadual de Segurança Pública do Rio Grande do Sul apresentou, na tarde desta quinta-feira (23), um conjunto de propostas que classificou como “o maior em 30 anos”, para a área. São 19 projetos de lei, que deverão ser aprovadas pela Assembleia Legislativa.

“Estamos propondo medidas que valorizam o servidor de carreira e garantem mais agilidade na contratação de profissionais para áreas específicas, que auxiliam na atividade-fim”, esclareceu o secretário Cezar Schirmer durante o anúncio das medidas.

O governo estadual aposta no retorno dos reservistas da Brigada Militar à ativa, para reforçar o efetivo. Uma das propostas institui o “Programa Mais Efetivo”, que recruta militares da reserva, realocando PMs da ativa para o policiamento ostensivo.

Os reservistas poderão atuar em funções como policiamento comunitário e escolar, ambiental, operações fazendárias, guarda externa de presídios, entre outras, liberando os agentes na ativa para atividades de policialmento.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *