Grêmio estreia no Mundial com motivos de sobra para cuidados; veja as razões.

FONTE G1//A discurso não chega a ser novidade no futebol. Ninguém no Grêmio fala do sonho de disputar a final do Mundial de Clubes antes da hora, algo que seria de certa forma normal, especialmente com a possibilidde de encarar o Real Madrid pela frente. A “final” do Tricolor ocorre nesta terça-feira, na estreia na competição, contra o Pachuca, às 15h (de Brasília), no Estádio Hazza Bin Zayed, em Al Ain. Uma lista de motivos explica o por quê.

Chamou atenção a maneira enfática com a qual Renato tratou o assunto em sua entrevista coletiva, na véspera da partida. Do mesmo modo, Pedro Geromel falou logo a seguir, com sua velocidade semelhante à das antecipações dentro de campo, e reforçou a visão do comandante e grupo de jogadores.

– Estamos focados no Pachuca, viemos até aqui estudando os dois possíveis adversários, o Pachuca foi vencedor e estamos preparados e focados. Vamos fazer de tudo, temos que fazer nosso melhor e vamos nos doar para isso. Não estamos pensando em quem vai ser o adversário na final, não tem sentido pensar na frente sem ver a semifinal – garantiu o zagueiro gremista.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *