Histórias da crise um ano depois: veja como estão em 2017 brasileiros que apertaram o cinto em 2016.

FONTE G1//O ano de 2017 foi marcado pelo início da recuperação da economia, ainda que lentamente. Neste contexto, o G1 voltou a entrevistar Roberto Leite, Cláudia Barbosa e o casal Mariana Sola e Eduardo Silva, brasileiros que há 1 ano contaram como sentiram a crise e tiveram de reduzir seu padrão de vida.

Um ano depois, eles conseguiram reconquistar alguns hábitos de consumo que haviam abandonado em meio à recessão. Eles, no entanto, permanecem com marcas da crise e ainda lutam para virar a página completamente.

Mariana Sola, por exemplo, ainda está procurando emprego com carteira assinada. Enquanto isso, a solução é tocar o próprio negócio, em mais um exemplo de empreendedorismo por necessidade que ganha força no Brasil.

Veja um resumo do que aconteceu com eles em 2017:

  • Roberto Leite deixou de ser motorista de Uber e abriu seu próprio negócio este ano.
  • A empresa de Cláudia Barbosa se recuperou e ela abandonou as compras no atacarejo que frequentava em 2016 e voltou a comprar em mercados de alto padrão.
  • Mariana Sola e Eduardo Silva ainda vendem brigadeiro nas ruas em 2016, mas as vendas cresceram e eles têm novos produtos. Não moram mais de favor e voltaram a ter plano de saúde.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *