0

Inter sobe folha em R$ 1 mi e explica: “A do ano passado nos rebaixou”

Fonte G1

O primeiro rebaixamento de sua história leva o Inter a ampliar seus investimentos em 2017, mesmo com pendências financeiras e projeção de déficit de R$ 58 milhões em um ano atípico, com a disputa da Série B. Após diagnosticar as carências do elenco na campanha traumática de 2016, o clube ampliou sua folha salarial em R$ 1 milhão na temporada atual, justamente para evitar que as fragilidades do passado se repitam na segunda divisão.
O desempenho mais do que insuficiente serve como norte para explicar o investimento, mas a justificativa para o acréscimo na despesa tem a ver com as chegadas e saídas de atletas ao clube na temporada. A começar pelo retorno de D’Alessandro, dono do salário mais alto do clube, que contratou ainda outras nove caras novas – há ainda Felipe Gutiérrez a confirmar, além de Pottker, já acertado, que segue na Ponte Preta.

facebooktwittergoogle plus


Leave a Reply