Moro diz que “policiais não precisam tomar tiro de fuzil para reagir”

FONTE: O SUL
O ministro da Justiça e Segurança Pública, Sérgio Moro, durante uma palestra no Rio de Janeiro nesta terça-feira (2), disse que “policiais não precisam tomar um tiro de fuzil para reagir”. O comentário foi em função do governador do RJ, Wilson Witzel, ter proposto a utilização de atiradores de elite contra criminosos com esse tipo de armamento.

Moro acrescentou: “Tem que ver em quais circunstâncias que haveria essa autorização”. Porém, a declaração gerou polêmica.

O ministro ressaltou a importância de combater organizações criminosas, sejam elas facções ou milícias. “Para mim, Comando Vermelho, PCC e milícias são tudo a mesma coisa. Muda um pouco o perfil do criminoso, mas mesmo assim estamos falando de uma criminalidade grave e que tem que ser combatida”, concluiu Sérgio Moro.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *