Polícia Rodoviária Estadual realizou no início da noite desta quarta-feira(30) fiscalização no primeiro dia da nova lei seca no Estado, a blits aconteceu no posto rodoviário no KM 10 da Rodovia Anchieta em São Paulo. No primeiro dia de fiscalização os policiais flagraram um motorista com 0,07 mg de álcool por litro de sangue, o motorista teve a habilitação retida e foi multado em R$ 1.915,30. O motorista que for parado em uma blits de trânsito para teste do bafômetro e for flagrado com 0,05 mg ou mais de álcool por litro de sangue será multado, caso esta quantidade estabelecida pelo Contran (Conselho Nacional de Trânsito) seja atingida mesmo quando considerada a taxa de tolerância máxima dada ao aparelho. A nova medida de prevenção de acidentes no trânsito já está valendo, uma vez que foi publicada no Diário Oficial desta terça-feira (29) após ter sido sancionada pela presidente Dilma Rousseff no dia 20 de dezembro. Antes disso, a quantidade permitida era de 0,1 mg/L. O motorista que for parado em um blits de trânsito para teste do bafômetro e for flagrado com 0,05 mg ou mais de álcool por litro de sangue será multado, caso esta quantidade estabelecida pelo Contran (Conselho Nacional de Trânsito) seja atingida mesmo quando considerada a taxa de tolerância máxima dada ao aparelho. A nova medida de prevenção de acidentes no trânsito já está valendo, uma vez que foi publicada no Diário Oficial desta terça-feira (29) após ter sido sancionada pela presidente Dilma Rousseff no dia 20 de dezembro. Antes disso, a quantidade permitida era de 0,1 mg/L. Foto:Nivaldo Lima/Futura Press

Mulher morre após ser atropelada na Avenida do Forte, na Zona Norte

FONTE: GAUCHA ZH

Uma mulher de 39 anos morreu após ser atropelada por um veículo Peugeot na noite deste domingo (8), na Avenida do Forte, próximo à avenida Brasília, na Vila Ipiranga, na zona norte de Porto Alegre. O acidente aconteceu por volta das 22h. A vítima morreu no local e, por isso, houve bloqueios no trânsito para o trabalho da perícia.

Segundo a delegada plantonista Roberta Bertoldo, ela foi identificada como Joyce Rocha dos Santos. A vítima teria saído de um bar da região na companhia de uma adolescente pouco antes do acidente.

— Informações apontam que ela teria atravessado a via em local sem semáforo e faixa de pedestre. A adolescente que estava na companhia da vítima fatal apresentava sinais de embriaguez — afirmou

Segundo relatos feitos à Polícia Civil, o condutor trafegava com piscas alertas ligados porque transportava o filho passando mal. Ele parou para prestar atendimento. O motorista contou que tentou desviar e frear, mas não houve tempo hábil. Um teste de etilômetro foi realizado e o resultado foi negativo.

A adolescente não prestou depoimento na noite deste domingo por estar bastante nervosa, conforme a delegada. A Polícia Civil espera averiguar a velocidade com que o condutor dirigia por meio de imagens de câmeras de monitoramento. Testemunhas também serão ouvidas no processo. O caso será investigado pela Divisão de Crimes de Trânsito do Departamento de Homicídios.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *