Tailândia corre contra o tempo para resgatar meninos presos em caverna

FONTE CORREIO DO POVO//As equipes de emergência examinavam nesta quinta-feira as opções para resgatar os 12 meninos e seu treinador de futebol que estão presos há 12 dias em uma caverna inundada na Tailândia, diante do risco de aumento do nível da água, com a previsão do retorno da chuva. “Nossa maior preocupação é a meteorologia. Estamos em uma corrida contra o tempo, agora estamos em uma corrida contra a água”, declarou Narongsak Osotthakorn, governador da província de Chiang Rai e que também comanda a célula de crise.

Os socorristas tentam reduzir o nível da água o suficiente para que as crianças não precisem mergulhar ou que tenham que mergulhar por pouco tempo. “Esta manhã preparamos os 13 equipamentos de mergulho para poder fazer o resgate de maneira urgente”, disse Osotthakorn. Mas o governador recordou que um mergulhador experiente precisa de 11 horas para ir e voltar do local onde estão as crianças: seis horas na ida e cinco horas na volta, aproveitando a corrente.

A volta da chuva, prevista para sexta-feira, na temporada de monções, poderia precipitar a operação de resgate, pois existe o risco de que as tempestades inundem a caverna. “Escutei que vai chover de novo. Estou muito preocupada”< afirmou Sunida Wongsukchan, parente de um dos meninos presos na caverna. Na área reservada às famílias, a inquietação é cada vez maior. As chuvas torrenciais bloquearam os jovens na caverna no dia 23 de junho, depois que o grupo decidiu, por um motivo que ainda não está claro, entrar no local após o treinamento de futebol com seu técnico, que tem 25 anos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *