Em grande ato Iara Cardoso filia-se ao PDT

Entre amigos, eleitores, autoridades e militantes pedetistas a vereadora Iara Cardoso filiou-se ao PDT em ato que lotou a sede do partido, em São Leopoldo, no sábado, 12.3. Ingressando no partido, que considera uma referência para sua trajetória política iniciada na década de 1980, a vereadora declarou sua emoção em somar-se ao berço trabalhista feito de história e tradição.

Iara Cardoso afirmou que assinou com o partido para participar do processo de reconstrução de São Leopoldo e que a decisão foi tomada após longas conversas com a executiva municipal, representada pelo presidente Fabiano Haubert e o pré-candidato a prefeito, Ronaldo Nado Teixeira e com o membro da exeutiva estadual, Antonio Gomes.

“O que me trouxe ao PDT foi o desafio que recebi de ajudar a reconstruir a cidade. É com o sentimento de amor que tenho por São Leopoldo que entro nesta sede para nunca mais sair. Minha vocação é trabalhar por São Leopoldo’’, disse.  Em sua fala, a vereadora ressaltou o projeto que deseja desenvolver com o PDT: “vamos caminhar para o desenvolvimento e felicidade desta cidade. Uma sociedade sustentável, com traços de civilidade se faz com alicerce de justiça, liberdade, igualdade e é esta cidade que queremos buscar, que queremos ter’’.

 

Para o deputado federal e presidente do partido, Pompeo de Mattos, ter um nome como o de Iara Cardoso na legenda é ter a certeza da transformação. “Receber Iara não é para qualquer um, só um partido como o PDT tem a estrutura para acolher a força desta mulher’’, afirmou o parlamentar que declarou ainda que o partido não será uma casa de passagem, mas uma estalagem,  utilizando seu linguajar tradicionalista peculiar. ‘’Aqui sempre terá lugar para ti, te abraçamos e sabemos que tua decisão foi coletiva, com repercussão em nossas vidas, na vida do PDT e desta cidade’’, completou.

Entre as autoridades que participaram do ato também estavam o deputado federal Afonso Motta, o deputado estadual Vinicius Ribeiro Antonio Gomes e os vereadores de São Leopoldo Armando Motta (PRB), Aurélio Schmidt (REDE), Claudio Giacomini (PSDB), Luiz Castro e Nestor Schwertner (PT).

Fonte: Camara SL

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *