Exército auxilia Hospital Centenário no combate ao mosquito Aedes aegypti

Militares deram reforço ao trabalho de roçada, capina e recolhimento de entulhos

Combater o mosquito Aedes aegypti é uma das ações permanentes no Hospital Centenário, que nos últimos dias recebeu auxílio de soldados do quartel 16º Grupo de Artilharia de Campanha Auto-propulsado (GAC Ap). Roçada, capina e recolhimento de entulhos fizeram parte das atividades dos militares que atenderam ao pedido da presidência da Fundação Hospital Centenário. “A área do HC é muito grande e essa ajuda do quartel, por meio de seu comandante, tenente-coronel Márcio Dantas, é de extrema importância para toda a comunidade. Agradecemos muito a parceria e seguiremos com as campanhas constantes para manter o terreno limpo e livre do mosquito que transmite a dengue, zika e febre chikungunya”, ressalta o presidente da Fundação, Gilso Gotardo.

Hoje (5) uma agente de saúde de combate à dengue esteve analisando a área para buscar possíveis focos e elogiou a ação dos soldados. “O terreno está limpo, praticamente sem pontos propícios para focos”, disse a agente Tamires. Segundo Gotardo, que faz parte da comissão contra o mosquito Aedes aegypti, agora é manter a área livre de água parada e de entulhos que possam virar criadouro do mosquito. E para manter, a colaboração da comunidade é fundamental. Acompanhando o filho que está internado há três dias, a dona de casa Juraci Flores de Freitas observava a ação de limpeza enquanto passeava pelo pátio do Centenário. “Todos nós precisamos ajudar a manter a limpeza. E isso não só no hospital, mas em toda a cidade. Combater o mosquito é uma tarefa de todos.”

 

Fonte: Prefeitura SL

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *