Grêmio e Flamengo se enfrentam no Maracanã para decidir quem disputará a final da Libertadores contra o River

FONTE: O SUL

A espera acabou. Os 21 dias mais longos de 2019 para rubro-negros e tricolores finalmente chegaram ao fim. Nesta quarta-feira (23), às 21h30min, no Maracanã, Grêmio e Flamengo entram em campo para decidir uma vaga na grande final da Libertadores.

Quem avançar vai encarar o River Plate, da Argentina, na primeira decisão em jogo único do torneio continental. A grande final será realizada em Santiago, no Chile, no dia 23 de novembro.

No jogo de ida na Arena do Grêmio, o Tricolor e o Rubro-Negro empataram em 1 a 1, com gols de Bruno Henrique e Pepê. O placar permite a classificação para quem vencer por qualquer resultado no Maracanã, com leve vantagem para o Flamengo, que avança com um empate em 0 a 0 por ter feito gol fora de casa. Empate por dois ou mais gols inverte o benefício para o time gaúcho. Se o 1 a 1 se repetir, a decisão irá para os pênaltis.

Escalações

Em busca de mais uma final de Libertadores, o Grêmio sofre alterações em relação ao time escalado na Arena. Geromel retorna na defesa, Maicon reforça o meio-campo e Léo Moura entra na lateral direita. Com a fissura de Luan no pé direito e a provável ausência de Jean Pyerre, ainda em transição após a recuperação de lesão muscular, Michel assume a vaga e fecha mais o meio-campo.

Dúvidas rubro-negras, Rafinha e Arrascaeta foram relacionados para o jogo. Mas só o lateral-direito, que passou por cirurgia no rosto, deve começar a partida. Recuperado de uma artroscopia no joelho esquerdo, o meia uruguaio, a princípio, estará no banco e só deve entrar em caso de urgência. Em seu lugar, a tendência é que Vitinho seja mantido e Reinier fique como opção para o segundo tempo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *