Polícia prende suspeitos em ação contra o narcotráfico na Região Metropolitana de Porto Alegre

FONTE: G1RS

A Polícia Civil gaúcha realiza, nesta quinta-feira (19), a terceira fase de uma operação de combate ao narcotráfico em cidades da Região Metropolitana de Porto Alegre e em Santa Catarina. Até as 8h50, 10 pessoas haviam sido presas.

Estão sendo cumpridas 14 ordens de prisão e 24 mandados de busca e apreensão em Esteio, Canoas, Porto Alegre, Sapucaia do Sul, Charqueadas, Tramandaí, Cidreira e Balneário Camboriú (SC).

A investigação começou em abril deste ano, quando um homem foi preso em flagrante por tráfico de drogas no município de Esteio. A partir disso, a polícia realizou um mapeamento da estrutura e da forma de funcionamento dos narcotraficantes.

O objetivo da terceira fase da operação é desestruturar a organização criminosa e desarticular por completo o fluxo financeiro do grupo.

Segundo a polícia, a organização é vinculada a uma das principais facções do RS. A principal atuação é a utilização do sistema de tele-entrega de drogas em toda Região Metropolitana e Capital, partindo de Esteio e Canoas.

A etapa tem como alvos suspeitos que se beneficiam financeiramente dos lucros do tráfico, os chamados “laranjas”, que atuam para facilitar a movimentação financeira da quadrilha ou para aquisições de bens.

De acordo com a polícia, durante a investigação, ficou evidente a dinâmica utilizada pela organização, a qual abastece uma rede de contas bancárias com os lucros adquiridos do tráfico de entorpecentes.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *