Riqueza dos bilionários “encolhe” pela primeira vez desde 2015

FONTE: O SUL

As pessoas mais ricas do mundo ficaram um pouco menos abastadas no ano passado. Segundo um relatório do banco UBS e da consultoria PwC, turbulências geopolíticas e mercados voláteis de ações reduziram a riqueza dos bilionários pela primeira vez desde 2015.

A riqueza dos bilionários caiu globalmente em US$ 388 bilhões, para US$ 8,539 trilhões, com um declínio particularmente acentuado na China – o segundo país com maior número de bilionários do mundo, atrás apenas dos Estados Unidos – e na região da Ásia-Pacífico em geral.

Bancos privados, incluindo o maior gestor de patrimônio do mundo, o UBS, sentiram os efeitos das tensões comerciais entre EUA e China e as incertezas políticas globais, com os clientes no ano passado evitando negociar e assumir dívidas para acumular mais dinheiro.

Em dólares, o patrimônio líquido dos mais ricos da China caiu 12,8%, devido às quedas das Bolsas e uma moeda local mais fraca, e à medida que o crescimento da segunda maior economia do mundo perdeu ritmo e caiu para seu menor nível em quase três décadas em 2018.

Em todo o mundo, o número de bilionários caiu em todos os lugares, exceto nas Américas, onde os empreendedores de tecnologia continuaram a aumentar as fileiras dos mais ricos dos Estados Unidos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *