Três regiões em bandeira vermelha enviam recursos ao mapa preliminar da 38ª rodada do Distanciamento Controlado no RS

FONTE: O SUL

Pela segunda semana consecutiva, o governo do Estado recebeu, para o mapa preliminar do Distanciamento Controlado, três pedidos de reconsideração até as 6h de domingo (24) – prazo máximo para o envio de recursos. As solicitações nesta 38ª rodada foram encaminhadas por associações regionais que estão classificadas em bandeira vermelha e pedem mudança para laranja.

Mesmo com alterações em indicadores monitorados pelo Estado, a grande maioria das regiões segue em bandeira vermelha, ou seja, com risco alto para esgotamento da capacidade hospitalar e velocidade de propagação do vírus. Das 21 regiões Covid, 17 ficaram em vermelho e apenas quatro receberam bandeira laranja, que representa risco médio na classificação divulgada na sexta-feira (22).

Os pedidos de reconsideração serão analisados pelo Gabinete de Crise e o mapa definitivo vai ser divulgado no site do governo do Estado às 16h30min desta segunda-feira (25). A vigência das novas bandeiras irá de 26 de janeiro a 1° de fevereiro.

Caso a classificação prévia seja mantida, 14 regiões em bandeira vermelha que aderiram ao sistema de cogestão regional podem adotar protocolos próprios compatíveis até o nível de restrição da bandeira laranja. Guaíba e Uruguaiana, que não aderiram à gestão compartilhada, e Santa Maria, que retirou a adesão à cogestão nesta semana, estão em vermelho e devem seguir os protocolos determinados pelo Estado.

As regiões de Pelotas, Bagé, Caxias do Sul e Cachoeira do Sul, classificadas em laranja e participantes do sistema de cogestão, podem utilizar protocolos de bandeira amarela, se estiverem previstos e atualizados nos seus planos regionais.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *